Weby shortcut
instagram
Youtubeplay
Abrapem 2019 performus

Performus’19 teve participação simultânea de três países em oito polos de videoconferência

Criada em 01/11/19 17:13.

Por Fabrícia Vilarinho

 

Com a apresentação da “Banda do Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília” no Teatro Belkiss Spenciére da Escola de Música e Artes Cênicas (Emac/UFG), tiveram início na quarta-feira (23/10) as atividades de abertura do Performus’19, evento que uniu a 7ª edição do Congresso Internacional da Associação Brasileira de Performance Musical (Abrapem), o 5º Colóquio de Música Antiga da Emac/UFG e o 1º Simpósio de Pesquisa Intermus da Colômbia.

 

Abrapem 2019 performus

 

Na ocasião, o diretor da Emac, Eduardo Meirinhos, enfatizou a importância do evento para a performance artística brasileira, parabenizando a presidente da Abrapem e organizadora do Performus’19, professora Sonia Ray, por unir dez instituições em oito localidades diferentes, “o que será um protótipo para futuros eventos dessa natureza”, ressalta o diretor. Sonia Ray agradeceu o trabalho dos monitores e técnico-administrativos da Emac e disse estar feliz por trabalhar novamente com amigos, colegas e parceiros da Abrapem.

 

Abrapem 2019 performus

 

De forma pioneira, o Performus’19 teve participação simultânea de três países em oito polos de videoconferência: Goiânia, na Universidade Federal de Goiás (UFG); em Campinas, na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); em Florianópolis na Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC); em Salvador, na Universidade Federal da Bahia (UFBA); em Natal, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN); em Porto Velho, na Universidade Federal de Rondônia (UNIR); em Bogotá nas U.DFJC, U.INCCA e U.JTL(Colômbia); e em Haltdalen no Studio Klar Lyd (Noruega).

 

Abrapem 2019 performus

 

O objetivo desse novo formato foi a possibilidade de ampliar a abrangência do evento e minimizar os custos. Participantes de várias localidades no Brasil e exterior tiveram a oportunidade de assistir a transmissão online, em tempo real, de 24 recitais, concertos e performances dos artistas convidados, além realizar perguntas aos palestrantes e pesquisadores. Presencialmente, nos variados polos, os participantes puderam acompanhar as transmissões online e as apresentações dos trabalhos nas sessões de comunicações orais.

O evento foi realizado entre 23 e 26 de outubro e teve como tema central “A performance musical em conexão: um olhar sobre possibilidades de integração do fazer artístico com questões que pautam as perspectivas para a área no mundo”. Os desafios relacionados à qualidade da transmissão foram grandes, mas o resultado foi dentro do esperado. A organizadora do Performus’19 e presidente da Abrapem, Sonia Ray, acredita que o formato de videoconferências possibilitou a democratização do acesso às discussões concernentes à performance musical, abrangendo regiões distantes do Brasil, além de contribuir para a expansão das fronteiras da pesquisa em performance musical.

 

Abrapem 2019 performus

 

Para 2020 já está definida a data e estrutura geral: o Performus’20 será de 23 a 26 de setembro de 2020, novamente sediado na Emac/UFG, com a manutenção de 5 Hubs (Noruega, Campinas, Florianópolis e Natal) e com a possibilidade de receber novos colaboradores na França e Canadá (a serem confirmados). Assim, o evento visa consolidar seu formato inédito e adaptar algumas partes da programação para evitar problemas de conexão e otimizar a participação à distância de todos os artistas e pesquisadores interessados.

Marque em seu calendário: Performus’20 de 23-26 set 2020 - sede Goiânia com outras 6 localidades! Fique atento às informações acompanhando os posts no site abrapem.org

 

Abrapem 2019 performusAbrapem 2019 performus

 

 

Fonte: Ascom Emac

Categorias: Notícias